O MERCADO DE FRANQUIAS NOS ESTADOS UNIDOS – PARTE 1

Os Estados Unidos são o berço do franchising. É uma coisa impressionante. Desde final do século XXVII, e com marcas pioneiras no início do século XIX, que estão aí até hoje firme e forte, teve um impulso marcante após a 2a.guerra mundial, com o grande desenvolvimento da economia americana. Algumas marcas hoje são símbolos americanos e mundiais como Mc Donalds(70 anos), Carl’s Jr(77 anos), A&W (95 anos), Nathan’s (102 anos) Subway, KFC, Chicken-F-A, Blimpie, Arby’s, Denny’s, Dunkin Donnuts, Burger King, Marriott, Hilton, Howard Johnson, Singer e outras, todas com mais de 50 anos de mercado.

Centenas de franqueadores começaram com pequenos negócios e se tornaram multi-bilionários e fizeram muitos franqueados milionários e também bilionários.

Os Estados Unidos tem franqueados que são maiores que muitos franqueadores, que faturam mais de $1 bilhão por ano, que são empresas de capital aberto. E são vários.

As franquias Norte-Americanas nascem pensando no mundo como mercado, e aí está a sua diferença para outros países. Aqui as empresas nascem pensando global e crescem globalmente. Com isto espalharam o sistema de franchising para o mundo inteiro.

O sistema de franquias cresce nos Estados Unidos muito mais rápido que em outros países. Por que? Primeiro existem diversas linhas de financiamento tanto para franqueadores quanto para franqueados, com juros baixos, pouca ou nenhuma garantia e prazos longos. Os fundos de “Private Equity” adoram o franchising, porque são negócios fáceis de crescer nacional e internacionalmente. Em levantamento feito em 2014 pela revista Franchise Times, 71 das 200 maiores redes de franquias norte-americanas pertencem a fundos de “Private Equity”. E finalmente é muito fácil abrir capital nos Estados Unidos e alavancar seu crescimento.

Os americanos buscam sempre viver da melhor maneira possível e com isto elevaram os níveis de qualidade de diversos negócios e agora espalham este jeito bom de viver para todo o mundo. Os melhores hotéis, os melhores restaurantes, os melhores serviços, os melhores produtos, enfim, sempre olhando a equação custo/benefício. Aqui é o país da produtividade, o país da eficiência, onde fazer o melhor não significa cobrar muito mais caro. Aqui qualquer um pode ficar num hotel maravilhoso, pode comer lagosta ou prime rib, e pode viajar para qualquer lugar do mundo.

Ajuda muito nesta eficiência um sistema de impostos que não penaliza o empresário, um sistema de pleno emprego que paga salário justo e não tem privilégios nem benefícios especiais para trabalhadores, uma logística fantástica, livre comércio, e leis que são rígidas, com baixo índice de corrupção, e com um nível muito bom de serviços públicos, principalmente na área de segurança.

O risco franquias não darem certo é muito baixo na média aqui nos Estados Unidos, menor que 10%. Vale lembrar apenas que isto é uma média, e que negócios mais novos tem mais risco, assim, como alguns sub-setores ou tipos de franquia, mas no geral o risco é muito, muito baixo.

Este mercado é um grande exemplo para todo o mundo, uma democracia sólida, e com uma grande capacidade de superar problemas e de inovar como nenhuma outra. O mundo admira América. Todos querem visitar, e muitos querem investir aqui, querem viver aqui, Todos querem viver o sonho americano!

Compartilhe em suas redes sociais

Facebook
Google+
Twitter
Fechar Menu